Citada como exemplo por Bolsonaro, estratégia da Suécia contra coronavírus não serve para o Brasil, diz responsável por plano

Claudia Wallin, de Estocolmo para a BBC News Brasil - Face pública da controversa estratégia sueca de combate à pandemia do novo coronavírus, o epidemiologista-chefe da Suécia, Anders Tegnell, afirmou que não adotaria a mesma abordagem no Brasil caso estivesse no comando da gestão da crise brasileira.

Finlândia: estudo final sobre renda mínima revela pouca melhora no nível de emprego e mais qualidade de vida

Primeiro país do mundo a testar de forma sistemática a implantação de uma renda básica universal em nível nacional, a Finlândia divulgou nesta quarta-feira (06) os resultados finais do amplo experimento conduzido durante um período de dois anos. As conclusões centrais são de que a renda básica provocou um leve aumento no índice de emprego - com um total de seis dias a mais de trabalho durante o segundo ano do experimento -, e teve impacto positivo na melhora da saúde e da qualidade de vida dos beneficiários. Os resultados do experimento finlandês chegam no momento em que a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus reacende o debate global sobre a necessidade da criação de uma renda básica cidadã. 

Países europeus iniciam flexibilização gradual das regras da quarentena

Depois de a Espanha autorizar na segunda-feira uma retomada parcial do trabalho, outros países europeus começam a colocar em vigor uma flexibilização gradual e controlada das regras da quarentena contra o novo coronavírus - uma flexibilização que poderá no entanto ser revertida, a depender da evolução do controle da pandemia. A partir desta terça-feira, a Áustria reabrirá pequenas lojas e parques públicos. Na quarta-feira, creches e escolas do ensino fundamental voltarão a funcionar na Dinamarca. Líderes da Noruega, República Tcheca, Suíça, Irlanda e Itália também já anunciaram planos para uma reabertura moderada de setores da sociedade.

Modelo de isolamento da Suécia contra Covid-19 não deve ser seguido pelo Brasil, opina cientista sueco

Com bilhões de pessoas confinadas no mundo pela quarentena em tempos de coronavírus, a estratégia dissonante adotada pela Suécia tem sido citada por partidários do isolamento vertical no Brasil como um modelo a ser seguido. Mas na avaliação de um dos principais cientistas suecos, uma série de fatores indica que o isolamento horizontal seria o melhor rumo a ser seguido pelo Brasil. Único país nórdico a não adotar o isolamento horizontal, a Suécia também já lidera o número de mortos pelo coronavírus na região.

Hospitais da Suécia suspendem uso de cloroquina em pacientes com coronavírus devido a efeitos colaterais

Hospitais de ponta da Suécia interromperam o uso do medicamento cloroquina em pacientes infectados com o coronavírus, em consequência de relatos de graves efeitos colaterais - como arritmias cardíacas e perda de visão periferal. Defendida pelos presidentes Donald Trump e Jair Bolsonaro como uma possível cura para o Covid-19, a cloroquina - ou sua variante, a hidroxicloroquina - é indicada para o tratamento da malária, mas tem sido testada em pacientes com coronavírus embora sem comprovação científica da eficácia do medicamento nesses casos.

Suécia converte comissários de bordo em auxiliares de enfermagem para enfrentar coronavírus

Claudia Wallin, para a Rádio França Internacional - Enquanto a curva de evolução do coronavírus segue em ritmo ascendente na Suécia, comissários de bordo dispensados temporariamente da companhia aérea Scandinavian Airlines (SAS) estão sendo transformados em auxiliares de enfermagem. A partir desta quinta-feira (2), o primeiro grupo de comissários treinados de forma intensiva entra na linha de frente de combate à Covid-19, a fim de reduzir a sobrecarga de médicos e enfermeiros no país.

Sem confinamento, estratégia da Suécia de "esperar para ver" evolução do coronavírus gera polêmica

Claudia Wallin, para a Rádio França Internacional - Na contramão das rígidas medidas adotadas pelos vizinhos europeus, a comparativamente moderada estratégia sueca de prevenção e combate ao coronavírus polariza as opiniões na Suécia, num momento em que a epidemia segue sua curva ascendente no país. Entre as críticas mais ferozes, especialistas chegam a acusar o governo sueco de conduzir um “insano experimento com dez milhões de habitantes” - uma referência ao número de habitantes do país.

ONU lista metas para reduzir mortes no trânsito em 50% até 2030

Claudia Wallin, para a Rádio França Internacional - A terceira Conferência Global da ONU sobre Segurança no Trânsito foi aberta em Estocolmo com um chamado aos países-membros para a adoção de medidas destinadas a reduzir as mortes no trânsito em pelo menos 50% até 2030. Entre as principais recomendações da Declaração de Estocolmo está o controle da velocidade no trânsito. A experiência sueca mostra que iniciativas robustas podem reduzir de forma considerável o número de vítimas fatais no trânsito: desde 1966, o índice de mortes foi reduzido em quase 80%.
Capa da programação do festival: "Inimigo Número Um do Cinema"

Festival na Suécia ataca Bolsonaro: “Inimigo número 1 do cinema”

Pela primeira vez na história do Festival de Cinema de Gotemburgo, a 43ª edição da mostra sueca, inaugurada nesta sexta-feira (24), dará um destaque especial ao Brasil. “Há uma guerra cultural em curso no Brasil, com (o presidente) Jair Bolsonaro como protagonista e a indústria cinematográfica brasileira como a arena principal. O foco do Festival de Gotemburgo no cinema brasileiro é um ato de solidariedade aos cineastas brasileiros, e também um tributo a uma das mais fascinantes culturas cinematográficas”, dizem os organizadores do festival - que é a maior mostra de cinema da região nórdica. A capa da programação brasileira do festival traz uma foto do presidente Jair Bolsonaro com o título “Filmens Fiende Nummer Ett” (“Inimigo Número Um do Cinema”).

Vídeo: a cultura finlandesa de respeito ao dinheiro público

Claudia Wallin, para a RFI - Os termômetros marcam dois graus, e a embaixadora da Finlândia na Suécia se prepara para ir ao trabalho – sem carro oficial, nem motorista. Todos os dias, Liisa Talonpoika enfrenta o frio e pedala três quilômetros até seu gabinete, na sede da Embaixada finlandesa em Estocolmo. “Estou economizando o dinheiro do contribuinte”, diz a embaixadora à RFI. As pedaladas da embaixadora refletem a cultura finlandesa de respeito ao dinheiro público no país, que se tornou – assim como os vizinhos nórdicos – um modelo de igualdade social.

Primeiro caça Gripen brasileiro é entregue na Suécia

Claudia Wallin, enviada especial a Linköping, na Suécia - “Este é um momento histórico”, declarou nesta terça-feira (10) na Suécia o ministro da Defesa do Brasil, general Fernando Azevedo e Silva, na cerimônia oficial de entrega do primeiro caça Gripen brasileiro para o início da campanha de ensaios em voo. O contexto de corte de verbas anunciado pelo governo não parece preocupar os interlocutores suecos.

Comprar Livro

Radar Brasil

Crônicas da Escandinávia

A Vida Na Suécia