Suécia quer equilibrar representação de mulheres e homens na Wikipédia

Claudia Wallin, de Estocolmo para a Rádio França Internacional – Nesta quinta-feira, Dia Internacional da Mulher, a Suécia promove um mutirão global no Brasil e em outros 50 países para ampliar a a representação feminina na Wikipédia, a enciclopédia colaborativa da internet. A ideia é impulsionar a igualdade de gênero na rede.

Com a hashtag #WikiGap, a meta da iniciativa sueca é capacitar voluntários para aumentar a produção de perfis e artigos na Wikipédia sobre mulheres, em diferentes campos do saber. A Wikipédia é a maior enciclopédia online do mundo, mas há um grande desequilíbrio no seu conteúdo em termos do conhecimento que ela dissemina sobre homens e mulheres: mais de 80 por cento dos perfis publicados são sobre homens, e noventa por cento do material contido na enciclopédia é escrito por autores masculinos.

“A Suécia é o primeiro país do mundo a adotar uma política exterior feminista”, disse à RFI Lina Eidmark, a responsável pela organização da iniciativa do governo sueco. “Com o #WikiGap, esperamos fortalecer os direitos e a representação de mulheres, além de ajudar a promover uma internet mais igualitária.”

Os pólos organizadores do mutirão do dia 8 de março vão ser as embaixadas da Suécia em Brasília e nas demais capitais envolvidas no evento. Em cada país, vão ser oferecidas oficinas práticas durante todo o dia para capacitar mulheres, homens e pessoas de outros gêneros a redigir e editar perfis sobre personalidades femininas na Wikipédia, a fim de promover a igualdade de gênero na enciclopédia online. Os eventos serão realizados em colaboração com a organização gestora da Wikipédia, a Wikimedia.

Em Brasília, as atividades da oficina prática vão acontecer na sede do IPEA,  o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, das 9 às 18 horas. O foco do mutirão brasileiro vai ser a produção de conhecimento sobre a representação feminina no campo das políticas públicas e do desenvolvimento. Pesquisadores brasileiros foram especialmente convidados para a tarefa, e o público em geral também será chamado a participar do evento com suas opiniões através das redes sociais, na hashtag #WikiGap. 

Sob orientação de consultores da Wikimedia, os pesquisadores vão participar de oficinas práticas para redigir conteúdos online sobre mulheres relevantes – seja diretamente, através de verbetes sobre essas mulheres, ou indiretamente, a partir de citações e referências a trabalhos produzidos por mulheres. As oficinas também vão produzir artigos na língua portuguesa  para a Wikipédia sobre a desigualdade de gênero e a a experiência social vivida pelas mulheres, a partir da complementação de verbetes existentes ou da produção de novos conteúdos. O objetivo é finalizar o workshop brasileiro no Dia Internacional da Mulher com uma série de verbetes finalizados ou já em processo de edição.

Além do Brasil, o mutirão do Dia Internacional da Mulher vai acontecer em países como Estados Unidos, Rússia, México, Alemanha, Tanzânia, Colômbia, Bélgica, Itália, França e Espanha.

A decisão sobre quais mulheres serão objeto de biografias e verbetes caberá aos voluntários de capa país participante do #WikiGap, de acordo com as regras definidas pela Wikipédia. Na Tanzânia, uma campanha está incentivando a população a indicar nomes de mulheres que ela gostaria de ver representadas em artigos na enciclopédia online. 

Na capital sueca, o evento do #WikiGap vai ter como tema central a participação feminina na tecnologia e na ciência. 

“Depois do Dia Internacional da Mulher, nosso plano é divulgar todas as ferramentas necessárias para que qualquer pessoa no mundo possa criar seu próprio evento #WikiGap, com ou sem a participação da Suécia”, avisa Lina Eidmark.

7 de Março de 2018

Leia também: Empresas de mídia são dominadas por homens, mostra estudo sueco

Islândia: primeiro país do mundo a impor igualdade salarial entre homens e mulheres

 

522 respostas
« Older Comments
  1. Shay
    Shay says:

    Wonderful blog! I found it while searching on Yahoo News.
    Do you have any tips on how to get listed in Yahoo News?
    I’ve been trying for a while but I never seem to get there!
    Many thanks

    Responder
  2. Patrick
    Patrick says:

    This is a topic that’s close to my heart… Many thanks! Exactly where
    are your contact details though?

    Responder
  3. Deborah
    Deborah says:

    I visited many websites except the audio feature for audio songs present at this web site
    is actually fabulous.

    Responder
  4. https://www.plumbingworldwide.com
    https://www.plumbingworldwide.com says:

    hello there and thank you for your info – I’ve certainly
    picked up something new from right here. I did however expertise some technical points using this web site,
    as I experienced to reload the website lots of times previous to I
    could get it to load correctly. I had been wondering if your hosting is OK?
    Not that I’m complaining, but sluggish loading instances times
    will very frequently affect your placement in google and could damage your high quality score if advertising and marketing with
    Adwords. Anyway I am adding this RSS to my email and can look out for much more of your
    respective fascinating content. Make sure you update this again soon.

    Responder
  5. Kraig
    Kraig says:

    Hello would you mind letting me know which web host you’re working with?
    I’ve loaded your blog in 3 different browsers and I
    must say this blog loads a lot quicker then most. Can you suggest a good internet hosting provider at a honest price?
    Many thanks, I appreciate it!

    Responder
  6. bodor laser
    bodor laser says:

    My relatives all the time say that I am wasting my
    time here at web, but I know I am getting knowledge all the time by reading
    such nice posts.

    Responder

Trackbacks & Pingbacks

« Older Comments

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *