Sem motoristas particulares

olof_palme

Ao volante de seu velho Fiat 600, Olof Palme dirige para o trabalho na sede do Governo. FOTO: ARNE SCHWEITZ/ publicada no jornal Svenska Dagbladet em 21.12.2011

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nenhum deputado sueco tem direito a carro com motorista. Os que moram nos subúrbios da capital cumprem a rotina típica dos trabalhadores ditos normais, balançando em vagões de trem ou metrô a caminho do escritório. Deputados mais dispostos vão de bicicleta, se o frio ainda não é inclemente. Mas a maioria dos que vivem nos apartamentos funcionais próximos ao Parlamento chega mesmo a pé, sujeita aos inevitáveis escorregões no solo congelado pelos longos invernos de Estocolmo.

A tentação do conforto de dirigir o próprio carro para o trabalho é geralmente domada por três bons argumentos: o culto sueco à preservação do meio ambiente, o preço alto dos estacionamentos e ele, o trängselskatt, o proibitivo imposto sobre congestionamento cobrado a todos que ainda insistem em levar o carro para o centro de Estocolmo.

”O Presidente do Parlamento também vem de metrô para o trabalho”, diz Maria Skuldt, da Secretaria de Imprensa do Parlamento.

Assim como o presidente da Casa, todos os parlamentares têm direito a receber um cartão anual para viajar gratuitamente nos transportes públicos.   Por razões que a razão de muitos eleitores suecos desconhece, nas viagens de maior distância os deputados têm ainda a opção de viajar nos silenciosos vagões de trem da primeira classe.

 

Carros oficiais são poucos, e para uso limitado. O Parlamento possui apenas três veículos, modelo Volvo S80. Esta frota de três está à disposição somente do Presidente do Parlamento e seus três vice-presidentes, para eventos oficiais.

”Não é um serviço de táxi”, me diz René Poedtke, do setor administrativo do Parlamento. ”Os carros não estão disponíveis para levá-los para casa ou para o trabalho. Isto é também uma questão de conservar o meio ambiente. Precisamos usar menos o carro”.

Na Suécia, o único político que tem direito a carro em caráter permanente é o primeiro-ministro. O carro pertence à frota da polícia secreta sueca, a Säpo (Säkerhetspolisen). Ministros podem requisitar veículos ”quando têm fortes razões para precisar de um”, segundo diz um assessor do governo: ”Por exemplo, quando vão fazer um discurso em um subúrbio distante”.

Na sede da Säpo, o porta-voz dos serviços de segurança diz que carros podem ser eventualmente oferecidos a ministros, dependendo de análises de grau de risco para sua segurança.

”Mas não são os ministros que decidem. Todos os carros pertencem aos serviços de segurança, e portanto é a Säpo que avalia qual ministro pode ter direito a transporte, e em que ocasiões”, informa o porta-voz.

É comum ver políticos no metrô, ou caminhando pelas ruas, sem escolta. Mas desde o assassinato do primeiro-ministro Olof Palm, em 1986, e da tragédia que vitimou a ex-ministra do Exterior Ana Lindh – morta a facadas por um doente mental em uma loja de departamentos na capital sueca, em 2003 -, alguns ministros passaram a contar com a proteção de seguranças da Säpo.

113 respostas
« Older Comments
  1. acheter steroides France
    acheter steroides France says:

    Hiya! Quick question that’s totally off topic. Do you know how to make your site mobile friendly? My weblog looks weird when browsing from my apple iphone. I’m trying to find a template or plugin that might be able to resolve this problem. If you have any recommendations, please share. Thank you!

    Responder
  2. Billig
    Billig says:

    hello there and thanks for your information – I’ve certainly picked up anything new from proper here. I did alternatively expertise a few technical issues using this site, as I skilled to reload the site lots of instances prior to I could get it to load correctly. I had been wondering if your web hosting is OK? Not that I’m complaining, however slow loading circumstances times will very frequently impact your placement in google and could harm your high-quality ranking if ads and ***********|advertising|advertising|advertising and *********** with Adwords. Anyway I am adding this RSS to my email and could glance out for a lot extra of your respective intriguing content. Ensure that you replace this once more very soon..

    Responder
  3. anabole steroide online kaufen
    anabole steroide online kaufen says:

    Fantastic blog! Do you have any tips for aspiring writers? I’m hoping to start my own site soon but I’m a little lost on everything. Would you advise starting with a free platform like WordPress or go for a paid option? There are so many choices out there that I’m completely overwhelmed .. Any tips? Bless you!

    Responder
  4. desentupidora
    desentupidora says:

    There may be noticeably a bundle to find out about this. I assume you made sure nice points in options also.

    Responder
  5. Acheter Reductil en ligne
    Acheter Reductil en ligne says:

    Thanks, I’ve recently been searching for information about this subject for a long time and yours is the best I have came upon so far. But, what about the conclusion? Are you certain concerning the supply?

    Responder
  6. sling tv
    sling tv says:

    You can definitely see your skills within the article you write.

    The world hopes for even more passionate writers like you who
    aren’t afraid to mention how they believe.
    All the time follow your heart.

    Responder
  7. Commande Ephedrine T-5 en ligne
    Commande Ephedrine T-5 en ligne says:

    The next time I read a blog, I hope that it doesnt disappoint me as much as this one. I mean, I know it was my choice to read, but I actually thought youd have something interesting to say. All I hear is a bunch of whining about something that you could fix if you werent too busy looking for attention.

    Responder
  8. sling tv
    sling tv says:

    whoah this blog is wonderful i love reading your articles.
    Stay up the great work! You realize, many individuals are hunting round for this information, you could help them greatly.

    Responder

Trackbacks & Pingbacks

« Older Comments

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *